Ortodontia

A Ortodontia é a especialidade da Odontologia relacionada ao estudo, prevenção e tratamento dos problemas de crescimento, desenvolvimento e amadurecimento da face, dos arcos dentários e da mordida. Não se pode falar em Estética Bucal, sem falar em Ortodontia: nada como ter os dentes bem posicionados para se conseguir um belo sorriso!
Dentes tortos ou dentes que não se encaixam corretamente são difíceis de serem mantidos limpos, podendo ser perdidos precocemente, devido à deterioração e à doença periodontal. Também causam um estresse adicional aos músculos de mastigação que pode levar a dores de cabeça, distúrbios da ATM e dores na região do pescoço, dos ombros e das costas.
Os dentes tortos ou mal posicionados também prejudicam a sua aparência.
O tratamento melhora a oclusão promovendo uma melhor distribuição das forças exercidas sobre os dentes, protegendo-os dos traumas que podem causar em seu periodonto (gengiva, osso e ligamentos).
O tratamento pode ser realizado em pacientes de qualquer idade, desde que sejam respeitados os limites biológicos de cada um, pois cada paciente responde de maneira diferente ao tratamento.

Para iniciar o tratamento é preciso que o paciente esteja motivado, entenda o problema e quais são os objetivos do tratamento, pois a sua colaboração é essencial!
O tratamento ortodôntico pode ser feito em duas fases: a primeira ocorre antes da completa erupção dos dentes permanentes, através do uso de aparelhos ortodônticos removíveis (atuando a nível dentário) ou ortopédicos (estabelece um correto relacionamento entre base óssea, maxilar e mandíbula).
Na segunda fase, normalmente o paciente utiliza um aparelho fixo, que proporciona um melhor alinhamento e nivelamento. Com o uso desse tipo de aparelho, é obtido um melhor engrenamento entre os dentes superiores e inferiores, restabelecendo uma oclusão equilibrada.

Alguns hábitos adquiridos na infância podem levar a problemas ortodônticos, como:

  • Respiração bucal, que surge devido a problemas alérgicos ou presença de adenóides, acarretam problemas na formação do esqueleto facial. O indivíduo apresenta um aspecto de face alongada, o rosto estreito e com pouca expressão, lábios entreabertos, mordida cruzada, palato profundo (céu da boca), e olheiras acentuadas;
  • Dormir com as mãos apoiando o rosto durante a fase de crescimento, pode acarretar o desenvolvimento de uma mordida cruzada;
  • Chupar dedo, morder canetas, roer unhas, perda de dente de leite precocemente e o mau posicionamento da língua, também influenciam para a má oclusão, além dos problemas hereditários (dentes apinhados ou separados demais, falta ou excesso de dentes, etc…).

Muitos desses problemas podem ser evitados ou amenizados se forem observados precocemente pelos pais. Portanto, é de fundamental importância a visita a um dentista, para que ele possa diagnosticar e orientar o melhor tratamento. Um bom tratamento ortodôntico leva o paciente a ter uma boa mastigação, melhorando a saúde, facilitando a higienização e prolongando a vida dos dentes, além de promover a estética para manter um bom relacionamento social, interferindo diretamente em sua auto-estima.


Veja por que é importante ter um correto posicionamento dentário:

  • Estética: A aparência sempre foi uma das preocupações do ser humano. O belo abre as portas para muitas oportunidades. É claro que o conceito de beleza é variável, porém existe um consenso geral quando se fala do sorriso, pois a boca é um detalhe muito importante da expressão humana. Durante uma conversa, frequentemente, estamos com a atenção voltada para a boca do nosso interlocutor, pois a comunicação também ocorre pela leitura labial. Vale a pena se preocupar com seu sorriso, ele é um importante fator para a obtenção de sucesso;
  • Funcional: Dentes bem posicionados e bem relacionados entre si promovem uma boa mastigação e bom aproveitamento dos alimentos ingeridos, além de um bom funcionamento das articulações entre os maxilares superior e inferior;
  • Preventiva: O bom posicionamento dentário possibilita uma higienização dentária mais completa e com mais facilidade, prevenindo assim as cáries e as doenças da gengiva.

Dúvidas Frequentes

  • O tratamento ortodôntico é dolorido?
  • No início o aparelho poderá trazer algum desconforto, mas hoje em dia são utilizados fios de última geração, que são feitos de ligas metálicas elásticas fazendo uma força gradativa nos dentes, o que torna o tratamento mais seguro para os tecidos dentais e menos dolorido para o paciente.

  • Vou ter que usar aquele aparelho que vai por fora da cabeça (aparelho extra bucal)?
  • Evita-se ao máximo utilizar este tipo de aparelho, já que normalmente ele não é bem aceito pelo paciente. Sempre que possível são utilizados outros tipos de aparelho intrabucais que não tragam inconveniente estético para quem usa.

  • Preciso extrair dentes para fazer o tratamento ortodôntico?
  • As extrações são indicadas em alguns casos. Somente com a avaliação do ortodontista é possível dizer previamente se no seu caso será necessário fazê-las. Quando bem indicadas, as extrações não trazem prejuízo algum ao paciente e possibilitam um bom resultado ao término do tratamento.

  • Quanto tempo demora em média o tratamento?
  • A duração do tratamento depende de fatores como tipo de má oclusão, respostas biológicas individuais, idade e principalmente colaboração do paciente. Um tempo médio é de vinte e quatro a trinta meses de tratamento ativo.

  • Existe a possibilidade dos dentes retornarem à posição original?
  • À posição original, não. Podem ocorrer pequenas acomodações pós-tratamento. Essa tendência natural dos dentes é normalmente bem controlada e minimizada através da utilização correta dos aparelhos de contenção ao final do tratamento.

  • O que é documentação ortodôntica?
  • É um conjunto de exames, realizados em uma clínica radiológica, que contêm modelos de gesso, radiografias, fotografias e análise cefalométrica que têm por finalidade o planejamento do tratamento ortodôntico e estimativa da duração do tratamento.


© 2012 Odontocorp - Todos os Direitos Reservados - Desenvolvimento FO2 Soluções Para Você